Notícias

Análise: "Anunciado prêmio Nobel da Paz"

Postado às 07h32 | 08 Oct 2021

Ney Lopes

Os jornalistas Maria Ressa e Dmitry Muratov ganharam o Prêmio Nobel da Paz por sua "luta corajosa" em defesa da liberdade de expressão nas Filipinas e na Rússia, respectivamente, que é uma pré-condição para a democracia e a paz duradoura".

A comissão se referiu à dupla como "representantes de todos os jornalistas que defendem este ideal".

Berit Reiss-Andersen, a presidente do Comitê Norueguês do Nobel, justificou a honraria, afirmando que "sem liberdade de expressão e liberdade de imprensa, será difícil promover com sucesso a fraternidade entre nações, o desarmamento e uma ordem mundial melhor para ter sucesso no nosso tempo. A atribuição deste ano do Prémio Nobel da Paz está, por isso, firmemente ancorada nas disposições da vontade de Alfred Nobel”.

O comité do prémio Nobel refere que a vencedora jornalista Maria Ressa usa a liberdade de expressão para expor o abuso de poder, o uso da violência e o crescente autoritarismo no seu país natal, as Filipinas.

Em 2012, Ressa, de 58 anos, foi fundadora de um site dedicado ao jornalismo de investigação, que ainda dirige.

O jornalista russo Dmitry Andreyevich Muratov, de 59 anos, defendeu ao longo de décadas a liberdade de expressão na Rússia, em condições cada vez mais desafiantes.

Em 1993, foi um dos fundadores de um jornal independente "Novaya Gazeta", cujo "jornalismo baseado em fatos e integridade profissional o transformaram em uma importante forma de informação em aspectos censuráveis da sociedade russa raramente mencionados por outros veículos".

Desde 1995, ele é o editor-chefe.

Hoje o jornal mais independente da Rússia, tem uma atitude fundamentalmente crítica, em relação ao poder.

Corrupção, violência policial, prisões ilegais, fraude eleitoral, bem como a utilização de forças militares russas dentro e fora da Rússia, são alguns dos temas que constam dos artigos do jornal.

Os laureados irão receber o prémio de dez milhões de coroas suecas (quase um milhão de euros), além de um diploma e uma medalha.

Justa homem prestada a dois valorosos profissionais, cujo compromisso é com a preservação das liberdades humanas. 

 

 

Deixe sua Opinião