Notícias

Análise: Futuro mais perto com chegada a Marte

Postado às 08h48 | 20 Feb 2021

Ney Lopes

Fato histórico ocorreu nesta última quarta-feira: a chegada da nave espacial ao planeta Marte. A principal meta científica é buscar evidências de vida pregressa em Marte – sinais fósseis de que o planeta vermelho tenha sido habitado, na época em que era mais azul, como a Terra, entre 4 bilhões e 3 bilhões de anos atrás.

A NASA concluiu que precisava entender muito melhor o passado e o ambiente de Marte antes de tentar encontrar vida, presente ou pregressa. Passou então a seguir o lema “siga a água”. Como água é essencial para vida, as missões se voltaram para a decifração do passado hidrológico de Marte.

Daí não surpreende que a última década foi muito focada no estudo e na detecção desse composto no solo marciano.

A missão é um primeiro passo na direção de um amanhã para o planeta vermelho.

A nave leva consigo um sistema que fará a coleta de amostras em pequenos tubos lacrados. Eles serão deixados reunidos na superfície, onde uma próxima missão os recolherá e os embarcará em um foguete no primeiro lançamento já feito a partir de outro planeta.

O retorno de amostras é tido como o principal objetivo do programa de exploração marciana nesta década e será conduzido em parceria pela NASA e pela ESA (Agência Espacial Europeia.

Sem dúvida, a pesquisa cientifica avançou em proporções gigantescas. 

Por isso, o futuro está mais perto!

Deixe sua Opinião