Notícias

Faleceu em Natal, o ex-deputado Álvaro Mota

Postado às 16h33 | 14 Oct 2020

Faleceu ontem, 14,  em Natal, na Casa de saúde São Lucas, o ex-deputado federal e empresário Alvaro Coutinho da Mota, 86 anos.

Nascido  em Campina Grande (PB) no dia 22 de setembro de 1934, filho de João Francisco da Mota e de Severina Coutinho da Mota, graduou-se em ciências jurídicas e sociais pela Faculdade de Direito da Universidade de Pernambuco em 1959.

Advogado e diretor financeiro da empresa familiar J. Mota Indústria e Comércio, iniciou sua carreira política elegendo-se deputado estadual pelo Rio Grande do Norte em outubro de 1962, na legenda do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). Assumiu o mandato em fevereiro e, após o movimento político-militar de março de 1964  filiou-se à Aliança Renovadora Nacional (Arena).

Em novembro de 1966 elegeu-se primeiro-suplente de deputado federal pelo Rio Grande do Norte. Ocupou uma cadeira na Câmara de março de 1968 a janeiro de 1969 e, novamente, a partir de abril de 1970.

Em novembro de 1970 elegeu-se suplente do senador Jessé Pinto Freire pelo Rio Grande do Norte. Deixou a Câmara dos Deputados em janeiro de 1971 e concorreu mais uma vez a uma vaga de deputado federal em novembro de 1974, mas obteve  suplência.

 A partir dessa época, passou a dedicar-se a seus negócios particulares. Além de continuar respondendo pela diretoria financeira da J. Mota, tornou-se, em 1974, diretor administrativo da empresa Confecções Arpel S.A., cargo que ocuparia até 1981. Foi também diretor-presidente da Companhia Norteriograndense de Crédito, Financiamento e Investimentos — Rionor (1975-1977), diretor administrativo da Piruá Construtora e Reflorestadora Ltda. (1977-1985), diretor industrial da Arpel S.A., presidente do conselho de administração do Bander Crédito Imobiliário S.A. (1980-1987). Em 1986, assumiu a presidência da Mota Hotéis S.A.

Ao longo desses anos, também exerceu cargos públicos como o de diretor-presidente do Banco de Desenvolvimento do Rio Grande do Norte (1979-1980) e do Banco do Estado do Rio Grande do Norte (1980-1987).

Em 26 de setembro de 2007, nas eleições para a nova diretoria do Sistema da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Norte (FIERN), foi eleito membro efetivo do Conselho Fiscal.

O sepultamento será hoje, 15, às 09 da manhã, no Cemitério Morada da Paz, com acompanhamento virtual.

VOTO DE PESAR: O blog consigna voto de profundo pesar pelo falecimento do amigo Álvaro Coutinho da Mota e transmite condolências à sua esposa, filhos, familiares e amigos próximos.

Que Deus o receba na Eternidade!

 

 

Deixe sua Opinião