Notícias

Opinião: "Paulo Emídio, o prefeito pioneiro"

Postado às 05h12 | 10 May 2022

Ney Lopes

O RN perdeu grande político e exemplar administrador público. O prefeito de São Gonçalo do Amarante, RN, Paulo Emídio de Medeiros, faleceu nesta segunda, aos 59 anos de idade.

Deixou um legado a ser seguido.

Ganhou destaque por inaugurar uma obra por semana e executar mais de 500 ações, em cinco anos.

Velório – Presente à sessão solene da Câmara Municipal levei a minha solidariedade póstuma aos familiares e amigos de quem ajudou na construção da minha vida pública, de 24 anos de presença no Congresso Nacional, como deputado federal.

Obra – Entre as obras de Paulinho destaco a construção do Polo Empresarial, ao lado do aeroporto de São Gonçalo do Amarante, semente de futuro polo exportador e turístico, à semelhança do que existe em vários países.

Defesa - Vem de longe a minha luta em favor dessa proposta, que criaria 50 mil empregos diretos e indiretos no Estado.

Considera-se o Grande Natal a “encruzilhada do mundo”, por ser ponto geográfico estratégico nas Américas e Caribe, pela proximidade do Canal do Panamá, Europa, África, Ásia e Oceania. 

É local ideal para a construção de uma área de livre comércio.

Início – Com a construção do Polo Empresarial, Paulinho deu o “primeiro passo” para a nossa futura área de livre comércio, cujo funcionamento dependerá de uma lei federal.

Ele foi pioneiro.

A vocação de São Gonçalo do Amarante e do Grande Natal é produzir aqui no RN, empregar desempregados, criar oportunidades e aumentar as divisas brasileiras.

Sonho – Paulinho, que partiu para a Eternidade, sonhou com essa conquista.

Cumpre aos que sobrevivem prosseguir o e torná-la realidade. Ajudarei como puder.

Olho aberto

Crença – O candidato João Dória tem fé. Acha que a eleição presidencial está em aberto e que a decisão real do eleitor só se dá a três semanas do pleito.

Ele tem certa razão.

Evangelho I – A visão canhestra de alguns, semeia a descrença em candidatos, que não disponham na largada da campanha de estruturas partidárias milionárias de marketing e apoios políticos.

Evangelho IISe esse raciocínio fosse verdadeiro, milênios atrás, Cristo não teria conseguido propagar o Evangelho com um pequeno grupo de apóstolos, enfrentando o poderio do Império Romano.

Evangelho III – Bom lembrar também, que David venceu Golias. No século XX, Obama em último lugar nas prévias do seu partido, não teria sido candidato e ganhar as eleições, usando as redes sociais.

Candidatura – Lembro os exemplos acima para justificar as razões da minha pré-candidatura ao senado federal.

Tudo é possível a Deus e ao povo.

Necessário apenas acreditar.

Eu acredito por ter serviço prestado ao país e ao Estado e poder ainda fazer muito mais.

Boa iniciativa - O reitor da UFRN, José Daniel Diniz Melo, inaugurou a primeira usina fotovoltaica de energia de geração distribuída, no Campus Central.

O equipamento servirá de laboratório para os estudantes e reduzirá a despesa na conta de luz.

Social - O ministro Paulo Guedes diz ser favorável ao aumento do imposto de renda sobre os super-ricos e redução dos impostos cobrados sobre as empresas.

Falta o tempero social: empresas pequenas e médias, preferencialmente e recursos destinados a complementar benefícios da previdência social.

Perda – Com o falecimento de Moacyr Gomes, o RN perdeu além de arquiteto exemplar, um cidadão humano, cordial e solidário.

Que Deus o receba!

Noiva I - A socióloga Rosângela da Silva, a Janja, que está noiva de Lula, ofereceu como presente de casamento um vídeo gravado por vários artistas, entre os quais Martinho da Vila, Zélia Duncan, Maria Rita e Lenine, no qual o velho slogan da música de campanha de 1989 (Sem medo de ser feliz”) foi resgatado.

Noiva II – Com esse slogan, Lula perdeu a eleição para Fernando Collor de Mello.

Cautela - Cientistas da África do Sul admitem novas linhagens BA.4 e BA.5 da variante Omicron, que transmitem a covid-19.

Não se sabe intensidade.

 

Deixe sua Opinião