Notícias

Previsões para 2021, por um babalorixá e um astrólogo

Postado às 08h27 | 27 Dec 2020

Estado

PAI RODNEY, SOCIÓLOGO E BABALORIXÁ

Essa pandemia é uma guerra mundial, com a diferença que o inimigo é invisível?
Não sei se dá pra comparar, embora ambas escancarem diferenças sociais e problemas bastante profundos. Mas, de qualquer maneira, a pandemia, assim como as guerras, está matando muita gente. Temos que deflagrar, sim, ação contra a omissão, o descaso e a ideologia política que vem afetando os mais pobres.

E acredito que a pandemia tem cumprido o papel de escancarar as diferenças, e isso é algo que precisa ser enfrentado. Fui tocado pessoalmente por essa pandemia, minha mãe morreu em decorrência da covid e sei qual é a dor dessa perda. Então, é extremamente importante que nós tenhamos essa consciência de que a morte é pra todos sim, mas existe uma morte social, uma morte que é deflagrada pelo descaso político, uma morte que é deflagrada pela falta de ação e essa é a morte que a gente precisa enfrentar.

Dá para prever a duração da covid-19?
Do ponto de vista daquilo que os orixás nos ensinam, temos que encarar essa pandemia com bastante resignação, compreender qual é aprendizado. A pandemia nos ajudou a reforçar a fé e a busca pela espiritualidade. Por mais que a gente tenha enfrentado algo difícil, continuaremos com problemas em 2021.

O ser humano sairá melhor desta crise na saúde?
O ano de 2021 será regido pela energia do Odu Oxê. Um ano de Odum, que terá a forte influência de Odu, orixá da fertilidade e a dona da beleza, da riqueza, a senhora de todas as artes. Vai nos ensinar muito sobre a necessidade dos caminhos espirituais, da magia, de fazer do ritual uma rotina, sobretudo que a gente possa se reconectar com o sagrado, com a natureza. Acredito que quem é melhor vai sair melhor da pandemia e quem é pior vai sair pior.

O universo vai finalmente sair do buraco?
Bom, eu não sei se o universo vai sair do buraco, eu espero que sim. Eu acho que nós precisamos renovar as esperanças, e o grande aprendizado de 2020 é que nenhum ser humano pode viver sem esperança. É importante que se pense na questão social, na questão racial, nessa estrutura que foi pautada na desigualdade, e que a gente supere.

O Brasil vai se recuperar em 2021?
O ano começa numa sexta feira, dia regido por Oxalá. É muito importante que as pessoas passem a virada de branco. Branco é a representação da criação, da ausência. Possibilita que criemos um mundo novo.

Bolsonaro será reeleito?
Muito cedo pra dizer. Eu rezo aos orixás para que ele não se reeleja, porque acredito que exista nele mais do que uma incompetência política, existe nele uma perversidade e o povo brasileiro não merece passar por isso por mais quatro anos. Agora, eu não posso desconsiderar, olhando para extrema polarização que temos vivido e considerando as novas bases das campanhas políticas – as fake news, estrutura de redes sociais – que há grande possibilidade dele se reeleger. Isso vai depender muito da capacidade das forças que se opõem a esse governo pra derrotá-CACÁ NOGUEIRA, ASTRÓLOGO E EMPRESÁRIO

Essa pandemia é uma guerra mundial, com a diferença que o inimigo é invisível?
Toda guerra acontece por um desequilíbrio da mente quando conflitos de ideais ocorrem. Isso é alimentado pela busca de poder e dinheiro, que incitam a violência, o medo, a destruição e o pior uso do capital, resultando na morte de seres humanos. A pandemia revelou que mesmo vivendo no século 21, o maior inimigo do homem continua sendo ele mesmo e não um vírus.

Dá para prever a duração da covid-19?
Tivemos um importante aspecto astrológico neste fim de dezembro de 2020, que só ocorre a cada dois séculos (conjunção de Júpiter com Saturno simultânea à uma mudança de casa astrológica, de Capricórnio para Aquário) anunciando grande impulso nas pesquisas científicas, na tecnologia e acelerando descobertas e soluções no campo da saúde. Isso, acredito, pode abreviar a vida da covid-19. Outros novos vírus podem ser criados e produzidos, como já vem ocorrendo há uma década. A humanidade precisa acordar para uma nova consciência sobre o que queremos para as nossas vidas, refletir sobre valores que não são mais verdadeiros e sustentáveis. Não somos nós que precisamos da sociedade e sim a sociedade que precisa de nós. Sem uma profunda transformação em nossa consciência todas as resoluções, decisões e mudanças serão superficiais. ]

O ser humano sairá melhor desta crise na saúde?
De jeito nenhum… essa é uma mentira que contamos para nós sobre nós mesmos, por não assumirmos um maior comprometimento com a vida nesse planeta.

O universo finalmente sairá do buraco?
Universo é uma palavra que significa “tornado um”, algo que a humanidade, mesmo depois de muitos mestres espirituais terem explicado, continua não compreendendo o significado. Por essa razão é que a humanidade está no “buraco”.

E o Brasil, vai se recuperar em 2021?
O País se recupera a partir do começo do ano de 2021. Surgirão medidas políticas e econômicas que serão benéficas para o Brasil. Teremos, gradualmente, importantes investimentos estrangeiros. Um ano expressivo nas exportações. Após o mês de março, começa um aspecto astrológico no mapa do Brasil, favorecendo a população com aumento de empregos e o início das vacinações ajudando na saúde física, emocional e mental. Teremos também importantes reformas estruturais que há muito tempo o País necessita, além de algumas privatizações. O setor da construção civil terá um bom impulso bem como o segmento imobiliário.

Bolsonaro será reeleito?
Embora ainda distante das eleições, mas analisando o mapa astral do presidente Bolsonaro na época da disputa, em 2022, dá para ver forte possibilidade de ele ser reeleito. Quando soubermos na época das eleições quem serão os concorrentes aí sim será possível ter mais clareza. Mas o mapa dele é positivo. Isso quer dizer que para ele, o resultado das eleições será bom. Dilma, quando venceu as eleições, apresentava aspectos astrológicos ruins. E vencer as eleições, para ela, não foi nada bom.

Deixe sua Opinião